Conheça o Mercado Municipal de Goiânia

Assim que soube que Goiânia tinha um Mercado Municipal já coloquei na minha listinha. Não consigo imaginar uma experiência mais rica do que conhecer o mercado local da cidade que estamos visitando – é lá que encontraremos os produtos típicos e de quebra ainda podemos ver um pouco da rotina dos moradores da cidade em suas compras.

Goiânia possui sete mercados municipais espalhados pelas diversas regiões da cidade, onde são comercializados alimentos, peças de vestuário e produtos variados. O mais famoso, o Mercado Municipal do Setor Central, é da década de 50 e foi criado para ser o local de abastecimento principal da cidade, não ocupando mais hoje esta função. Assim como o nosso querido e famoso Mercado Central de BH, é um espaço para comercialização de produtos regionais, em sua maioria.

O Mercado que temos em nossa cidade é bem maior mas eu achei que o Mercado Central de Goiânia lembra bastante o nosso. Os corredores são um pouco mais largos e ele estava mais vazio do que habitualmente fica o nosso num dia de final de semana.

Lá encontramos lojas de ervas, artesanatos, produtos em madeira, em palha, calçados, roupas… é muita diversidade!

Mas sem dúvida o que chama atenção são as lojas de gêneros alimentícios. Claro que eu já fui atrás dos queijos e comprei um pra gente.

Um produto que se destaca lá é o pequi, fruto típico do cerrado. É molho de pequi, pequi in natura, pequi em conserva, doce de pequi, pequi de tudo quanto é jeito!

Não chegamos a comer por lá, mas tem uma área grande de praça de alimentação, com lanchonetes que comercializam o famoso empadão goiano e também restaurantes que ofecerecem comidas típicas da região.

Nós temos um estilo de vida pouco consumista e não temos como hábito fazer muitas compras em viagens e nem levar um monte de presentes para os parentes. Quase sempre eu gosto de levar algum produto típico para os familiares mais próximos e algo que tenhamos gostado muito pra gente também. Neste sentido o mercado é uma ótima opção: dá pra levar queijos, doces e pimentas de Goiás como um agrado para alguém.

Nós levamos doces para os familiares e um queijo pra gente. Sei que sou suspeita, mas eu prefiro o nosso queijinho mineiro. 🙂

Adorei conhecer o Mercado de Goiânia e acho uma visita imperdível para quem curte mercados locais. Um detalhe: o estacionamento é pequeno, mas em todo o entorno tem vários estacionamentos particulares, deixamos nosso carro num deles e foi muito sossegado.

O blog Curta Mais escreveu uma matéria sobre o mercado que é uma delícia de ler, clica aqui pra ver!

Compartilhe:

Vanessa Barreto

Psicóloga por profissão, viajante por paixão. Acredito na força dos encontros, na potência das palavras e na beleza das pequenas coisas. Viajar é um modo de existir e de se reinventar e por quê não dizer terapêutico também?

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *