Lagoa Dourada, a cidade do Rocambole

Você já ouviu falar que a capital nacional do Rocambole fica aqui em Minas Gerais? Pois é! A cidade de Lagoa Dourada, no campo das vertentes é considerada a terra do legítimo rocambole.

A cidade de 12 mil habitantes é cortada em seu perímetro urbano pela Estrada Real e é caminho para os turistas que partem da capital rumo à São João Del Rei e Tiradentes . Aos domingos, quando a maioria retorna dos passeios, as lojas ficam bem cheias – todo mundo quer garantir seu doce na volta para casa.

Mas de onde veio esta história do Rocambole?

Há um século atrás, o libanês Miguel Youssef do Líbano e sua esposa, a brasileira Dolores, começaram a produzir o doce em Lagoa Dourada. Com o passar do tempo a receita foi transmitida para as outras gerações da família e o filho do casal, Paulo Miguel do Líbano, deu continuidade ao trabalho dos pais. Hoje, a terceira geração da família mantém a tradição.

Fato é que o doce foi ganhando fama e hoje já são “vários” os rocamboles de Lagoa Dourada.

As lojas

São várias lojas dedicadas ao famoso doce espalhadas num curto trecho da Rua Miguel Youssef, nos arredores da Igreja do Rosário. As maiores são a “O Legítimo Rocambole” e “O Famoso Rocambole”, mas várias outras vão se espalhando pela cidade, especialmente nestes arredores. 

O Rocambole

O mais famoso e tradicional é o rocambole com recheio de doce de leite, mas são muitas as variações possíveis: tem de doce de leite com côco, doce de leite com amendoim, brigadeiro, chocolate, prestígio, goiabada, mousse de limão e por aí vai. Em algumas lojas a gente encontra também opções de polpas, como nozes, ameixa, abacaxi, pêssego, frutas cristalizadas e a lista segue!


Para comprar o seu funciona assim: você escolhe o sabor, faz o pedido no balcão, paga e aguarda ser chamado. Eles enrolam  o rocambole na hora e ele vem embalado numa caixinha própria e numa sacolinha. É uma excelente opção para presentear, quem não ficaria feliz da vida com um mimo destes?


Ah, o rocambole é bem grandão, dá pra toda a família experimentar.

Nossa indicação (até o momento)

Eu e Leonardo já compramos rocambole em três lugares em Lagoa Dourada: no “O Legítimo Rocambole”, no “O Famoso Rocambole” e no “Rei do Rocambole” – uma padaria que fica do outro lado da rua, descendo, depois de passar o sinal. 

Nós gostamos muito do Rei do Rocambole – como fica numa padaria super simples, a maioria dos turistas param no “Legítimo” e no “Famoso”, estas lojas habitualmente ficam bem mais cheias. Estivemos semana passada no Rei do Rocambole e ele estava vazio, enquanto as outras estavam lotadas. Compramos um rocambole dele e outro do “Famoso” justamente para experimentar e comparar e gostamos mais do doce do “Rei do Rocambole”, e pasmem, ele é mais barato: R$ 27,00 o Rocambole de Doce de Leite do “Famoso” contra R$ 20,00 o do “Rei”.

Uma doce disputa

Embora a receita seja basicamente a mesma, encontramos algumas variações entre eles: a massa mais ou menos durinha, o recheio mais pastoso ou mais grossinho e também tem aqueles que meio que polvilham a massa em açúcar antes de embalar. Por isto vale muito a pena sempre que possível ir variando para experimentar todos e eleger o seu preferido. Por ora o Rei do Rocambole é o nosso favorito, mas ainda não experimentamos todos. A cada vez que visitarmos Tiradentes e São João Del Rei, vamos parar e comprar dois diferentes para ir comparando…. nada mal ser juiz nesta deliciosa disputa né?

Se você já conhece o Rocambole de Lagoa Dourada, nos conte qual o seu preferido e se você ainda não conhece não deixe de provar na próxima oportunidade.

Salve no Pinterest e consulte sempre que quiser


Compartilhe:

Vanessa Barreto

Psicóloga por profissão, viajante por paixão. Acredito na força dos encontros, na potência das palavras e na beleza das pequenas coisas. Viajar é um modo de existir e de se reinventar e por quê não dizer terapêutico também?

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *